Procurar
Close this search box.

Ensaio

Uma montagem em que frames de vários vídeos criados com o sistema de I.A. Sora

Sora, geração de vídeos com IA e a síndrome do objecto brilhante

Sora é o novo modelo de Inteligência Artificial revelado pela OpenAI. Inspirado no ChatGPT e nos modelos de difusão, o Sora é apresentado como a nova jóia da coroa, mas um olhar atento revela como o seu brilho está manchado por um modelo de desenvolvimento que continua a ignorar os problemas que lhe vão sendo apontados.

Imagem de uma cena do filme, em que um personagem vestido com um fato branco surge de pé junto a uma pequena piscina onde algumas crianças brincam.

The Zone of Interest e como (não) se retrata um genocidio

The Zone of Interest é uma obra que foge a todo e qualquer padrão habitual daquilo a que a dita “narrativa de holocausto” nos foi habituando, relegando novamente o romantizado à condição de estranho e alienígena — portanto, realista e humano — que sempre lhe pertenceu.

A história única é o abismo do conhecimento 

Quais são os perigos que enfrentamos quando contamos uma história na perspetiva do olhar dominante? Pensadores e ativistas refletem sobre o perigo da História Única e a riqueza do conhecimento ancestral. Este artigo foi publicado originalmente na revista Shifter #2, em fevereiro de 2021.

Imagem gerada com o software Dall-E 2 e o prompt: "A baroque-style painting portraying Sam Altman as a messiah figure, featuring apocalyptic imagery on one side and dollars on the other."

Como Sam Altman se tornou o Messias da Inteligência Artificial

Não é conhecido há tanto tempo quanto Mark Zuckerberg, não tem uma presença nas redes sociais tão irritante quanto Elon Musk, nem uma fortuna tão conhecida como a de Jeff Bezos. Quem é Sam Altman e como, graças à OpenAI, se tornou um dos protagonistas do momento?

“Memória de um dia vazio” de Pedro Almodóvar

“Memória de um dia vazio” é um dos textos da coletânea O Último Sonho, o livro autobiográfico de Pedro Almodóvar. Fala-nos na primeira pessoa sobre Andy Warhol, Basquiat, Leïla Slimani e do ato de escrever.

ChatControl: como a encriptação pode estar em risco na UE… e não só

A Comissão Europeia quer que aplicações como o WhatsApp ou o Signal deixem de oferecer mensagens encriptadas, permitindo que terceiros possam ler os conteúdos das conversas. O objectivo é prevernir o abuso sexual infantil, mas podem ser as crianças a ficarem também mais expostas se os chats passarem a ser controlados. Especialistas em privacidade e direitos digitais opõem-se à proposta europeia.

O Corpo no Museu: Um Guia para Visitantes

Rafaela Ferraz, co-autora do livro “Death And Funeral Practices In Portugal”, é a nossa guia numa visita guiada por museus que expõem restos mortais humanos.

Fui rage-farmed. E tu também… mas ainda não percebeste

Não somos nós, utilizadores, que decidimos onde ir, mas as redes sociais que calculam – no sentido mais matemático do termo – onde nos querem levar. E se isso pode ter um efeito prático útil, os efeitos secundários merecem mais atenção.

Status, um glossário possível

Práticas culturais absolutamente arbitrárias parecem suceder-se em catadupa — poderá isso estar relacionado com status?

Imagem de uma escadaria em espiral, formando quase a forma de um olho. Escadas da biblioteca Oodi em Helsínquia.

O espaço do conhecimento na sociedade da informação

Usando o espaço de forma criativa, adaptada às necessidades emergentes e explorando tendências inovadoras que as tornem mais apelativas, a biblioteca pode ter um papel centralizador no complexo mundo da informação.

GPT-4: entre a comercialização e a democratização

Para além dos resultados em termos de performance, que abordaremos mais à frente, o lançamento do GPT-4 trouxe consigo uma novidade. Pela primeira vez, alegando “o panorama competitivo e as implicações de segurança de grandes modelos de linguagem”, o artigo relatando o novo lançamento da OpenAI não aborda em detalhe a arquitectura do modelo, o hardware envolvido, as fórmulas de treino, os métodos usados, ou os dados de treino.

Phantasmagoria hacker – Breves notas sobre a classe maldita

Nota inicial de Francisco Nunes para a edição portuguesa de “Um Manifesto Hacker”, livro da autoria de McKenzie Wark recentemente editado pela DeStrauss, com tradução de Francisco Nunes e design de Bruno Inácio.

“E se parássemos de sobreviver?”

No 5º Encontro Com Impacto convidamos o filósofo André Barata para uma conversa ao vivo sobre Capitalismo e Saúde Mental. Uma relação improvável e audaz, resultado de uma forma de ver e estar no mundo sem medo do questionamento e da busca por uma outra forma de vida.

P de Plágio. Notas sobre autoria e autoridade

Neste ensaio pretende-se problematizar o tema da autoria, em particular, questionar a sua natureza intemporal e definitiva. Uma intenção porventura pretensiosa, mas que não é mais do que uma tentativa de dissecar uma questão sem encará-la como um obstáculo a superar.

Corpos e geografias da criminalidade nos Relatórios Anuais de Segurança Interna

O RASI é anualmente publicado pelo Governo para escrutínio público e parlamentar do trabalho das autoridades policiais nacionais. Nas suas páginas, apresenta-se um balanço da criminalidade nacional e identificam-se as principais ameaças à segurança interna. As populações dos “bairros degradados”, “bairros problemáticos” e, actualmente, “Zonas Urbanas Sensíveis” (ZUS), são um dos focos principais destes relatórios desde a sua origem.

Blockchain é mais do que criptomoedas?

Nos últimos tempos, com a subida da inflacção, a oficialização de uma crise, e casos como a Luna, a fama da blockchain não está nos melhores dias – nem o seu valor. Contudo, essa não deve ser a métrica do sucesso, da sua implementação nem do seu desenvolvimento.

Ilustração de uma nota de 200 reais com as cores da bandeira do Brasil e a silhueta de Bolsonaro a fazer continência ao centro.

Bolsonaro, o Capitão Privatização

Bolsonaro conseguiu construir uma aliança entre a bíblia, o ‘Olavismo’ (movimento que luta por uma hegemonia social e cultural ultraconservadora), as forças de segurança e o capital (agrário, financeiro e comercial). Após quatro anos, duas nomeações para o Supremo Tribunal Federal e cinco ministros da educação, qual o verdadeiro legado de Bolsonaro para além das 680 mil mortes de covid-19?

Bem-vind@ ao novo site do Shifter! Esta é uma versão beta em que ainda estamos a fazer alguns ajustes.Partilha a tua opinião enviando email para comunidade@shifter.pt