Chamadas de Embalar: encomenda serenatas por telefone para as pessoas de quem estás longe

Até ao momento, os artistas associados ao projecto português são Beatriz Pessoa, Marinho, Vasco Completo e Ditch Days, que durante as próximas duas semanas vão entregar canções por telefone.
2 minutos de leitura
Post Author
  • O Shifter é uma revista comunitária de pensamento interseccional. O Shifter é uma revista de reflexão e crítica sobre tecnologia, sociedade e cultura, criada em comunidade e apoiada por quem a lê.

Todos estamos longe de alguém de quem preferíamos estar perto. Se é certo que a arte nos aproxima, nos dias que correm é ainda mais visível que a música nos liga, independentemente do tempo e do lugar em que nos encontramos.

Foi por isso que Ruben Pardal, Carolina Caldeira e Francisco Lacerda criaram a iniciativa Chamadas de Embalar, serenatas encomendadas e entregues a quem temos mais saudades que chegam através do telefone para serem um abraço ao ouvido. Até ao momento, os artistas associados ao movimento são Beatriz Pessoa, Marinho, Vasco Completo e Ditch Days, que durante as próximas duas semanas vão entregar canções por telefone, mas o Chamadas de Embalar diz estar aberto a receber ainda mais bandas que queiram deixar a sua marca no projecto.

O projeto tem como objetivo aproximar distâncias, combatendo o isolamento em contexto de crise que tem sido uma das palavras de ordem do dia, mas também ajudar os hospitais que estão na linha da frente no combate a esta pandemia, onde as doações podem ser feitas na página criada para o efeito.

As inscrições nesta experiência são limitadas, estarão abertas entre 6 e 16 Abril (dias úteis). Para te inscreveres, deverás ligar para o +351 913 841 430, indicar o teu nome, o nome e contacto de quem queres surpreender, escolher a slot horária disponível e deixar uma mensagem. Todos os dias (dias úteis), a partir das 20 horas, a mensagem será entregue para os número de telefone indicados pela voz dos músicos que integram o projeto.

Partilha nas redes sociais:
Post Author
  • O Shifter é uma revista comunitária de pensamento interseccional. O Shifter é uma revista de reflexão e crítica sobre tecnologia, sociedade e cultura, criada em comunidade e apoiada por quem a lê.

Sugestões de Leitura

Estamos a criar uma revista de reflexão e crítica sobre tecnologia, sociedade e cultura.

Uma revista criada em comunidade e apoiada por quem a lê.

Queremos fazer do Shifter um espaço de publicação para pensamento colectivo e comunitário, aberto a sugestões e diálogos. Um ponto de encontro entre diferentes actores da sociedade, da academia ao activismo, da cultura à política.

Bem-vind@ ao novo site do Shifter! Esta é uma versão beta em que ainda estamos a fazer alguns ajustes.Partilha a tua opinião enviando email para comunidade@shifter.pt