Ensaios

EUA: o culminar da xenofobia e da hipersexualização das mulheres asiáticas

Na passada quarta-feira, os tiroteios em três estabelecimentos de massagens fizeram oito mortos, seis dos quais eram mulheres asiáticas. Este não é um caso isolado e é um entre os muitos ataques a asiáticos americanos que têm decorrido por todos os Estados Unidos da América nos últimos tempos. 

Medir a temperatura à nova poesia

A livraria Poetria propõe-nos a Fresca como uma coleção, um grupo, uma instituição que se promove a si própria como eixo central da cultura, desde a cidade do Porto.

O lado feio de alguns e eu que não fiz queixa 

Atualmente, uma vítima de abuso sexual tem até seis meses para apresentar queixa nas autoridades competentes. Eu demorei 8 meses até reconhecer que o que me aconteceu foi um crime de coação sexual, que não foi só uma noite desagradável em que dois homens me magoaram um bocado.

Videojogos apolíticos: qual o seu custo?

Numa entrevista lançada a semana passada pela Polygon, Peter Tamte afirmou, entre muitas outras coisas, o seguinte: “Tal como um Marine não pode questionar as escolhas feitas por legisladores, não procuramos tecer um comentário político sobre se a guerra em si foi ou não uma boa ideia”. Mas será possível ser apolítico num jogo como este?

GameStop: os meios certos, para os fins errados

Foram feitas comparações infundadas entre o movimento ativista Occupy Wall Street e um conjunto de indivíduos (insiders e outsiders) a tentar lucrar, rapidamente, via investimentos financeiros. Porém, o GameStop-gate traz poucas ou nenhumas novidades sobre a organização económico-social em que vivemos.

O Clubhouse é o ‘Web Summit’ das aplicações móveis

O Clubhouse não é especialmente inovador do ponto de vista tecnológico, mas antes um caso de sucesso de marketing e design explorando as potencialidades do momento. O advento dos directos e da voz nas redes sociais já se vinha a pronunciar como um movimento de fundo.

“A(wo)men”. Este não é um manifesto feminista

As perspectivas desinformadas ou infundadas do que é o feminismo são o principal obstáculo para a aceitação do rótulo “feminista”. Por causa da distorção do conceito em ideias radicais ou incoerentes da parte de um grupo pequeno, feminismo torna-se um termo que causa repulsa, desinteresse, como uma incessante chamada de telemóvel de um vendedor a tentar convencer-nos a aderir a um novo serviço. Talvez o presente texto se trate de um manifesto feminista, afinal; mas também aqui estava presente a consciência de que essa designação estaria associada a uma inibição de qualquer atenção posterior.

Veneno (Hbo)

La Veneno: quando existir é resistir e inspirar outras vidas Trans

Veneno, a série espanhola que nos chega pelas mãos de Javier Calvo e Javier Ambrossi acompanha a vida de Cristina Ortiz Veneno. Há quem diga que Cristina se tornou uma ativista LGBTQI+ sem intenção; a sua existência era o seu trabalho ativista, movido pela resistência de ser sempre quem queria ser.

Espaço público como espaço democrático

É fundamental construirmos uma sociedade a partir dos seus espaços democráticos, caracterizados pelo confronto de mundivisões e que criam um debate denso e vivo, e consequentemente ideológico – é precisamente neste processo que se forma um pensamento crítico em vez de uma reacção histérica às mudanças sociais.

Pós-neoliberalismo: a primeira década

O sistema pós-neoliberal é fundamentalmente caracterizado por dois fatores: por um lado, Estados intervêm em empresas pouco viáveis (zombies) para evitar crises humanitárias e tumultos sociais; por outro lado, emergem impérios corporativos (tecno-feudalismo), resultado indireto de tais políticas económicas.

Pode o TikTok mudar a indústria musical?

Será o TikTok o disruptor da indústria musical que aparenta ser? Fomos procurar respostas com o CYSMUS – o Núcleo de estudos em música e cibercultura, um grupo que integra investigadores e estudantes com um interesse comum: a exploração das diferentes práticas e interações musicais na sociedade do século XXI.

Queres ler mais este ano? Estas ferramentas ajudam-te a organizar as leituras

Se precisas de um incentivo para levares as tuas promessas avante, se até te dava jeito teres um link directo dos livros que escolheste ler este ano para a loja onde os vais comprar (ou para as suas versões em domínio público), se até tens curiosidade em saber o que os teus amigos andam a ler e se até te dava jeito ter a inteligência artificial das novas tecnologias a recomendar-te livros que são a tua cara, apresentamos-te cinco plataformas para te acompanharem nesta senda literária.

House of Tweets: como Trump fragilizou a ideia de democracia na América

Apesar da recente entrada no ano, a invasão de centenas, ou milhares, de pessoas da principal casa da democracia norte-americana é o culminar de uma escalada de violência – retórica e física – que há muito toma conta da política norte-americana tendo como principal protagonista Donald Trump.

André Barata: “O vírus é um pesadelo para o sistema porque perturba esse ideal do controlo”

Entrevistámos o filósofo português a propósito do seu livro ‘O Desligamento do Mundo e a Questão do Humano’, no qual, num confronto directo com a ideia de que estamos cada vez mais ligados em rede, André Barata estabelece uma longa análise crítica do que esta ideia de senso comum representa, propondo que pelo contrário estamos cada vez mais desligados.

Amar como acto político

O acto de amar implica um conjunto de tomadas de posições políticas e, naturalmente, sociais – são planos inseparáveis. Por outras palavras, amar continua a implicar uma tomada de posição em relação ao mundo que nos rodeia.

Criações do Homem já pesam mais do que a vida na Terra

Pela primeira vez na história da humanidade, a massa (vulgarmente conhecido por peso) da tecnoesfera ultrapassou a da biosfera, um dado que sustenta a hipótese debatida por especialistas de que vivemos numa nova era, em que a mão do homem se tornou num dos maiores agentes modeladores do globo.

Juventude, alicerces de vidro

Esta não é uma crónica sobre a perda de alguém. É, sim, uma reflexão sobre a forma inelutável com que escondemos a fragilidade da nossa própria existência, sem a qual não seríamos sequer dotados de experiências e vida.

Bem-vind@ ao novo site do Shifter! Esta é uma versão beta em que ainda estamos a fazer alguns ajustes.Partilha a tua opinião enviando email para comunidade@shifter.pt