Novo Google News parece poderosíssimo

App vai estar disponível em 127 países (incluindo Portugal) no Android, iOS e web.

Entre Google e Facebook, o gigante motor de busca gera mais tráfico para as publicações que a maior rede social do mundo – em 2017, segundo dados da empresa Parse.ly referentes a cerca de 2 500 sites, incluindo o Wall Street Journal, a Time, o Mashable e o Huffington Post, o Facebook forneceu 26% do tráfego externo enquanto que a Google foi responsável por 44%.

A Google tem, assim, um papel importante no consumo de notícias online e decidiu criar um único destino para esse tipo de conteúdo. O novo Google News, apresentado esta terça-feira na conferência anual Google I/O, resulta da união entre o antigo Google News e o Google Play Newsstand e estará disponível, muito brevemente, para Android e iOS e também no computador (através do browser) em 127 países.

São muito mais países que o Apple News – plataforma com a qual o novo Google News concorre – e que funciona unicamente nos Estados Unidos, Reino Unido e Austrália.

Numa interface com um design elegante, o novo Google News divide-se em quatro separadores principais. O For You reúne todos os dias as cinco principais histórias do dia, mais um conjunto de artigos seleccionados para o utilizador através de algoritmos de inteligência artificial. Cada história mostrada nesta secção é acompanhada por um botão que te permite aceder a outros artigos sobre o mesmo tema para que possas, assim, ter outras perspectivas ou ler a uma cobertura mais completa. Podes personalizar os algoritmos para te darem mais artigos do mesmo estilo dos que te aparecem ou esconder uma determinada publicação (imagina que não queres que o Correio da Manhã te surja). Mas, mesmo que não “digas” nada, o Google News vai aprender mais sobre ti e aquilo de que gostas à medida que o usas, melhorando os conteúdos que aparecem neste For You.

Na secção Headlines, encontras os principais títulos do momento numa variedade de categorias, incluindo “World”, “Business” e “Sports”. Em Favorites, podes aceder aos tópicos que mais te interessam (podes seguir individualidades, assuntos, séries, empresas, etc), às tuas fontes de notícias preferidas (não te esqueças de adicionar o Shifter aqui), a conteúdos sobre a tua cidade e aos artigos que guardaste. Por fim, tens o Newsstand onde podes aceder a uma versão especial das publicações pensada para o Google News.

O Google News não reúne apenas artigos, mas também fotos, tweets e vídeos do YouTube. Algumas vezes, estes diferentes tipos de conteúdos aparecem juntos num formato chamado “newscasts” – colecções dedicadas a um determinado tópico, que te permitem saber mais sobre o mesmo de forma rápida, sem teres de mergulhar num artigo.

A Google diz que, quando lançou o Google News há 15 anos, a internet e o mundo da informação era bem diferente do que é actual. Um portal que simplesmente agrupe artigos já não faz sentido nos dias que correm; assim, com a inteligência artificial, o novo Google News “analisa em tempo real dezenas de milhares de páginas, tweets, comentários, análises e horas de vídeo que chegam à web a cada minuto de cada dia”, sintetizando a informação e organizando-o de uma forma que dê para perceber o que está a acontecer no mundo e à nossa volta.

O renovado Google News vai ainda permitir assinar conteúdos premium através do novo botão Subscribe With Google, que as publicações poderão integrar nos seus sites. Os utilizadores vão poder encontrar as subscrições juntamente com os restantes conteúdos no Newsstand. O Google News vai substituir as apps Google Play Newsstand e Google News & Weather.