Ataque informático ao YouTube apaga “Despacito” e deixa mensagem pela Palestina

Um dos visados do ataque ao Youtube foi o vídeo de Despacito, o êxito de visualizações de Luis Fonsi e Daddy Yankee que acabou trocado por uma frame da série La Casa de Papel.

Youtube Videos
A imagem que surgiu no lugar de 'Despacito'

Quando pensamos nas grandes plataformas como Facebook, Youtube ou Twitter, raramente concebemos a possibilidade de sofrerem severos ataques que ponham em risco o conteúdo por elas hospedadas. Pois bem, nas últimas horas, o Youtube sofreu o ataque que prova ser a excepção.

Dois hackers auto-nomeados Prosox e Kuroi’sh perpetraram um ataque às bases de dados do youtube, apagando alguns uploads e subvertendo outros. Um dos visados foi o vídeo de Despacito, o êxito de visualizações de Luis Fonsi e Daddy Yankee que acabou trocado por uma frame da série La Casa de Papel, entretanto apagado.

Outros videos do top do ranking de visualizações tiveram um desfecho semelhante — acabar fora da plataforma ou com miniaturas e legendas desconfiguradas — entre os artistas afectados está Chris Brown, Shakira, Selena Gomez, Katy Perry e Taylor Swift, entre outros.

Em comum entre todas as vítimas está o facto de os uploads terem sido feitos em contas Vevo pelo que permanece a dúvida quanto ao modus operandi — terão os hackers atacado a base de dados central ou cada conta individualmente?

Na conta de twitter identificada como Prosox surge a resposta, ou uma pista. O auto-proclamado autor do ataque revela ter feito através de um script e confessa o seu amor à plataforma.

Outro dado curioso é que, segundo reporta a BBC, os hackers terão deixado uma mensagem simples e fundamental nos dias que correm por baixo de cada um dos vídeos atacados — FREE PALESTINE — numa clara alusão ao conflito na faixa de Gaza que ainda esta semana vitimou mais uma dezena de palestinianos em ataques das tropas israelitas.

Imagem do site http://www.gazzetta.gr