Os 3 novos smartphones da Huawei são mais câmaras que telemóveis

Tudo o que precisas de saber sobre o Huawei P20 Lite, P20 e P20 Pro.

Huawei P20

Foi em Paris, com toda a pompa e circunstância, que a Huawei apresentou a geração de smartphones topo-de-gama que sucede à série P10, lançada em 2017, e que promete fazer frente aos concorrentes da Samsung – Galaxy S9 – e Apple – iPhone X. Os Huawei P20, P20 Pro e P20 Lite são em tudo semelhantes no design – um ecrã que ocupa praticamente toda a parte da frente do ecrã, com excepção de um pequeno notch – sendo as diferenças principalmente ao nível das especificações internas (com destaque especial para as câmaras).

O Huawei P20 Pro e a sua câmara tripla

O Huawei P20 Pro é o ex-libris da fabricante chinesa. À venda por 900 euros, mais que um smartphone é uma potente câmara fotográfica com três lentes da Leica e inteligência artificial, que promete melhorar os resultados que o hardware permite capturar. A câmara tripla é composta por uma lente RGB de 40 megapixels e abertura f/1,8, uma lente monocromática de 20 megapixels e abertura f/1,6 e, por fim, uma lente telescópica tem 8 megapixels e abertura f/2,4. Os três sensores trabalham em conjunto para produzir excelentes fotos, mesmo em situações de pouca luminosidade. O equipamento é também capaz de zoom óptico até 3 vezes (na geração P10, a aproximação máxima era de 2 vezes).

O Huawei P20 Pro

Huawei P20: menos lentes, a mesma AI

Já o modelo P20 “normal” tem uma câmara dupla Leica, composta por um sensor RGB de 12 megapixels e outro monocromático de 20, com aberturas f/1,8 e f/1,6, respectivamente — prometendo igual boa qualidade fotográfica. Tanto o P20 como o P20 Pro prometem surpreender também no vídeo, permitindo filmar a 960 fps – algo que a Samsung introduziu também na sua série Galaxy S9.

O ecrã de 5,8 polegadas do Huawei P20 e o de 6,1 polegadas do P20 Pro possuem molduras ultra finas e ocupam quase toda a parte da frente dos equipamentos – os sensores frontais, como a câmara e o sensor de proximidade (que desliga o ecrã quando, por exemplo, encostas o telemóvel ao ouvido) foram arrumados num notch, mais pequeno que o do iPhone X. No interior, ambos os equipamentos contam com um processador Kirin 970 de oito núcleos, onde, além de outras coisas, corre a inteligência artificial que promete melhorar os resultados das câmaras fotográficas, tanto as traseiras como as frontais.

O Huawei P20

A Huawei diz que o P20 e o P20 Pro são capazes de reconhecer mais de 500 cenários em 19 categorias e seleccionar os modos de fotografia e configurações de câmara mais adequados, de forma automática e para produzir melhores fotografias. A inteligência artificial é também útil na estabilização de imagens noturnas e de longa exposição, sem ser necessário utilizar um tripé, bem como no foco de objectos em movimento. A IA está também presente nas câmaras frontais para fotografias em modo retrato, para que sobressaiam tons de pele e expressões faciais.

Huawei P20 Lite: o modelo mais em conta

Já o Huawei P20 Lite poupa nas capacidades de inteligência artificial. Este equipamento vem com uma câmara dupla na parte de trás, composta por um sensor de 16 megapixels e abertura f/2,2, apoiado n0utro de 4 megapixels e abertura f/2,4. Os mesmos 16 megapixels podem ser encontrados na câmara frontal. Apesar de não ter os avanços ao nível de software que P20 e P20 Pro, a versão Lite promete boas imagens também em situações de pouca luz. O ecrã é de 5,8 polegadas e resolução 2280×1080 pixels (a mesma dos outros dois modelos) e o processador é um Kirin 679 de oito núcleos.

As três versões incluem carregamento super rápido de bateria, sendo que no P20 Lite a sua capacidade é de 3000 mAh, no P20 é de 3400 mAh e no P20 Pro de 4000 mAh. Existem também diferenças ao nível do armazenamento e da memória RAM: 64 GB e 4 GB no modelo Lite, 128 GB e 4 GB na versão normal e 128 GB e 6 GB no Pro. Toda a família corre a versão mais recente do Android – Android Oreo – adaptada pela Huawei, com a sua skin EMUI 8.0.  Os três equipamentos vão estar disponíveis em cores, desde o comum preto a um bonito gradiente entre rosa e azul. O P20 Lite custará em Portugal por 400 euros, o P20 por 700 euros e o P20 Pro por 900 euros.