Se gostaste do vídeo da Apple mas não percebes como foi feito, este artigo é para ti

O hype com o novo anúncio da Apple para o Homepod realizado por Spike Jonze foi tão grande, que o Behind the Scenes não tardou a surgir.

É facilmente um dos anúncios mais cativantes de 2018 até agora. A curta-metragem da Apple “Welcome Home” para o HomePod, junta Spike Jonze na realização, FKA Twigs na interpretação e Anderson. Paak na banda sonora. Os três nomes juntos no mesmo projecto eram motivo suficiente para o boom de partilha do vídeo nas redes sociais, mas a verdade é que a concretização chega a ultrapassar a proeminência e fama dos intervenientes.

Uma estética e linguagem bem complexas traduziram na perfeição esta viagem entre estados de espírito, interpretada pela cantora britânica que chega a casa e pede à Siri que, qual Ambrósio, lhe que toque algo a sua gosto.

Se, como nós, ficaste maravilhado com a qualidade da produção e não conseguiste parar de te perguntar “como é que eles fizeram isto?” a cada toque de anca de Twigs, chegou o vídeo de making of que vai responder a todas as tuas questões.

Além de desvendar que grande parte daquilo que nos parece impossível de executar na prática foi mesmo construído com as mãos de uma mega equipa de produção, seja a própria casa rotativa, seja a revista que estica tipo pastilha elástica, o vídeo mostra quão intrusado está Spike Jonze em todo o processo. Era fácil achar que um realizador do seu nível – depois de colaborações com artistas como Beastie Boys, Daft Punk, Sonic Youth, Kanye West & Jay-Z ou LCD Soundsystem – teria uma legião de trabalhadores para escolherem a bailarina para o casting, tomarem decisões sobre coreografias, mas não. Foi o próprio a escolher FKA Twigs via Skype e o próprio a participar activamente na construção da dança, com inputs e opiniões tão pertinentes como as de um coreógrafo experimentado.

O mini-documentário de quase sete minutos, dirigido por Danilo Parra para a revista AdWeek, explora todas as disciplinas criativas em detalhes maravilhosos, iluminando os desafios que o intrincado vídeo apresentou em cada etapa. Há outras pérolas aqui, como FKA a fazer testes para Jonze via FaceTime, e o próprio Jonze a dançar numa cadeira de escritório. Também vemos o trabalho do director de fotografia de Dunkirk, Hoyte van Hoytema, que fez parceria com Jonze no filme.