Casa da Música vai estar de portas abertas

Ensaios, concertos, visitas guiadas e muito mais. Tudo isto de forma gratuita e durante quatro dias.

Porto

De 17 a 21 de Janeiro, a Casa da Música vai ser mais uma… casa aberta. Visitas guiadas ao edifício projecto pelo arquitecto Rem Koolhaas, uma oficina de instrumentos ao vivo, a possibilidade de assistir a ensaios, concertos de música clássica, jazz ou rock, e outras actividades integram a programação gratuita desde quatro dias.

A Casa da Música foi sempre uma casa de portas abertas – à música e à cultura, a quem passa junto à Avenida da Boavista, no Porto, e quer conhecer a arquitectura invulgar deste espaço, a quem procura um sítio descontraído para ler um livro ou ficar a trabalhar durante a tarde. Mas, durante quatro dias, a Casa da Música será também um bocadinho tua.

Poderás assistir a ensaios, participar em actividades educativas, ver filmes, visitar palcos e bastidores de um edifício onde se respira música e se cultiva a partilha de experiências musicais. No dia 17, às 22 horas, por exemplo, os The Lazy Faithfull vão estar no Café Casa da Música a apresentar o segundo álbum de originais, Bringer of a Good Time, que nos foi introduzido pelos singles “Nukin In The Cookin” e “There Was a Light”. Um dia depois, à mesma hora, o palco do Café será do jazz e de um tributo ao inesquecível Miles Davis, pela mão e pelos instrumentos do projecto Miles Davis Legacy.

A Casa da Música promoverá ainda visitas guiadas gratuitas ao edifício da autoria de Rem Koolhaas, explicando a arquitectura, as funcionalidades e a programação artística. Uma experiência que te permitirá conhecer os cantos à Casa. À entrada, entre as 10 e as 18 horas, existirá uma oficina de instrumentos de sopro, porque para que o ar vibre por entre tubos a direito ou retorcidos, há que entregar a arte de construir e reparar instrumentos a mãos sábias.

Entre os dias 17 e 21, poderás a ensaios de orquestras, a coros infantis ou a outras demonstrações culturais, no seu estado mais puro. A programação completa pode ser consultada aqui.