Google está a usar o Street View e o Earth para mapear os níveis de poluição

Esta iniciativa, em parceria com Aclima, visa aumentar a consciencialização sobre a importância de proteger o meio ambiente.

A Google fez uma parceria com empresa ambiental Aclima para medir os níveis de poluição atmosférica na Califórnia, mapeando as descobertas na aplicação Google Earth. Esta iniciativa visa aumentar a consciencialização sobre a importância de proteger o meio ambiente e pode ajudar-nos a respirar melhor.

Para reunir estes dados, as duas empresas cobriram mais de 100 mil milhas (cerca de 160 mil quilómetros), durante 4 mil horas, usando os carros do Google Street View, nas cidades de São Francisco e Los Angeles e em todo o Vale Central californiano.

“Cientistas e especialistas em qualidade do ar podem usar estas informações para ajudar organizações locais, governos e reguladores na identificação de oportunidades para alcançar soluções para melhorar a qualidade do ar”, afirmou o responsável do programa Google Earth Outreach, Karin Tucen-Bettman.

Cientistas que fazem pesquisas em poluição do ar podem solicitar acesso a todos esses dados, preenchendo este formulário. “Esperamos que esta informação ajude a construir cidades inteligentes mais sustentáveis, reduzindo os gases com efeito de estufa que alteram o clima, melhorando a qualidade do ar para uma vida mais saudável”, referiu Tucum-Bettman.

A Google realizou uma experiência semelhante no início de 2017 em Oakland, onde a empresa associou-se ao Environmental Defense Fund e à Universidade do Texas para identificar áreas com elevados níveis de poluição.

Recentemente um grupo de programadores portugueses desenvolveu um projecto relacionado com poluição atmosférica no hackathon Pixels Camp. O Breath é uma plataforma que mostraria em tempo real os níveis de poluição na cidade de Lisboa, permitindo aos utilizadores escolher o melhor caminho.