Carlos Moedas no Web Summit: “Temos que defender as pessoas”

O deputado da Comissão Europeia falou na Web Summit sobre a importância da tecnologia.

Carlos Moedas é o comissário europeu da Investigação, Ciência e Inovação. No segundo dia da Web Summit, falou sobre a importância da tecnologia como forma de combate às alterações climáticas e regularização política do mundo actual.

Em declarações ao Shifter, o delegado europeu defende a necessidade de se aliar a tecnologia e a política. “Hoje as decisões não são só tecnológicas”, referiu Carlos Moedas. “Num mundo em que a tecnologia está a entrar nas indústrias reguladas, como a saúde e a educação, vai ter que haver sempre uma escolha política: os empreendedores do futuro vão ter que saber trabalhar melhor com os políticos e com os reguladores”, esclareceu.

Para o comissário, esta é uma nova abordagem e marca uma quebra com o anterior paradigma do empreendedorismo tecnológico. Antes eu fazia uma aplicação no meu telefone e isso era uma coisa de uma empresa, não era um problema do Estado”, explicou. “Quando nós estamos a entrar em indústrias como a educação ou saúde, o empreendedor tem que falar com o regulador que tem que compreender as escolhas políticas porque nós temos que defender as pessoas, temos que proteger as pessoas, e isso é normal. Portanto, é a fase em que estamos a entrar.”

A Web Summit decorre entre os dias 6 e 9 de Novembro, em Lisboa.

Partilha nas redes sociais:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
  • Estou no século errado, mas no caminho certo. Uso saltos altos, mas gosto de jogar futebol. Sou jornaleira a tempo inteiro e artista nos tempos livres. O que quero ser quando for grande? Essa é fácil, quero ser Susana.

Contribui para o Shifter para mais artigos como este:

2 €/mês

5 €/mês

10 €/mês

15 €/mês

Donativo

Artigos Relacionados

Junta-te à Comunidade
Jornalismo é aquilo que fazemos todos juntos. Entra na Comunidade Shifter e faz parte da conversa.
Sabe mais
Em teste

Bem-vind@ ao novo site do Shifter! Esta é uma versão beta em que ainda estamos a fazer alguns ajustes.Partilha a tua opinião enviando email para comunidade@shifter.pt