Pizza de erva, um munchie terapêutico

Por intermédio da fusão de sabores entre dois dos "vicios mais saborosos" do planeta, é um autêntico Santo Graal dos munchies.

Um retalhista de erva medicinal em Massachusetts, nos EUA, conhecido por criar diversos produtos alimentares utilizando cannabis, vai começar a comercializar pizzas de marijuana. Sim, isso mesmo: pizzas com erva, incríveis cabeços de erva medicinal.

A empresa Ermont Inc é a protagonista desta experiência. Por intermédio da fusão entre dois dos “vicios mais saborosos” do planeta, estas pizzas são o autêntico “Santo Graal dos munchies” e uma óptima alternativa para quem realmente utiliza a marijuana para fins medicinais.

Seth Yaffe, gerente da empresa, afirma que várias pessoas começaram a solicitar opções comestíveis salgadas de modo a evitar o açúcar, um dos principais constituintes do produtos alimentares feitos com cannabis, como barras energéticas ou sumos de fruta. “Descobrimos que os utilizadores queriam um alimento que pudessem comer durante um dia normal”, diz Yaffe. “Queríamos fazer algo que pudesse ser considerado uma refeição completa.” 

Para poderes ter este orgasmo sensorial, é necessário ter cartão de consumidor de erva medicinal, emitido pelo Estado norte-americano. Não sendo um problema, é um aviso para todos os que estão a ler este artigo e estavam a pensar numa próxima viagem aos Estados Unidos, fazer uma pequena paragem nesta região.

Por 38 dólares, é possível adquirir uma pizza individual de queijo com cerca de 125 miligramas de THC, ingrediente “secreto” do molho de tomate. Esta quantidade é equivalente a um quarto da dose normal utilizada num ganza, de acordo com o gerente de operações do estabelecimento. As pizzas são de tamanho individual e são também vendidas congeladas, possibilitando que os consumidores as levem para casa.

A Ermont Inc recebe 200 a 400 clientes por dia e a sua equipa é composta por funcionários com experiência no sector da restauração, com outras receitas inusitadas nos currículos como a não menos apetecível Quiche de erva.

Apesar da leveza utilizada ao longo do artigo no tratamento deste assunto, é importante não esquecer o principal objectivo do produto e da empresa. Desde o seu lançamento que esta pizza se tornou uma escolha muito popular entre os clientes com dores crónicas, para além de ajudar na luta contra o vício em derivados de ópio ou na superação dos efeitos colaterais da quimioterapia.

Previous O algoritmo que transforma o teu nome em música clássica
Next Nem todos estão a “aplaudir” o novo plano do Medium