O clube de futebol açoriano que foi ao Reddit à procura de patrocínio

O Sport Clube Praiense criou AMA para conseguir patrocínio do Reddit.

O futebol é considerado o desporto rei e não é à toa que alcançou esse estatuto. A sua notoriedade advém do espectáculo e dos negócios que proporciona, sendo usualmente as transferências milionárias o foco das novelas da pré-época.

Porém, há clubes que não têm esse poderio financeiro e, como tal, lutam afincadamente para conseguir patrocínios, para melhorar a sua estrutura. É o caso do Sport Clube Praiense, um clube da ilha Terceira, dos Açores. Não reconheces o clube? Talvez este golo épico que marcaram na Taça de Portugal contra o Sporting, na época passada, te avive a memória.

Os jogadores do Praiense, Tiago Maia, Patrick Igwe e Filipe Andrade, a par com o responsável de marketing Berto Bettencourt, decidiram avançar com um AMA (Ask Me Anything) no Reddit, com o objectivo de se tornarem a primeira equipa de futebol profissional patrocinada pelo Reddit.

Da esquerda para a direita: os jogadores Patrick Igwe, Tiago Maia e Filipe Andrade, e o responsável de marketing Berto Bettencourt

Para conseguir este feito histórico, o Praiense precisa de recolher 10 mil libras (cerca de 11 400 euros) e para isso iniciou uma campanha de crowdfunding, com a promessa de sortear uma camisola oficial do clube a cada 500 libras (570 euros) angariados.

Berto Bettencourt explica ainda, numa resposta da thread, que este valor servirá para adquirir equipamentos novos, não só para a equipa principal como também (e principalmente) para as camadas jovens, e para ajudas de custo nas 16 deslocações ao continente já programadas para a próxima época.

Partilha nas redes sociais:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
  • Frequentou a Universidade de Coimbra onde concluiu o Mestrado de Estudos Europeus e ganhou o bichinho da investigação e consolidou o vício da escrita. Posteriormente decidiu complementar os estudos em Aveiro, com o Mestrado de Marketing, área do qual já fora profissional numa multinacional e que agora trabalho como freelancer, onde procura ajudar as PMEs a contar as suas histórias e a crescer no mundo digital. Para além de perder imensas horas de sono a jogar, gosta ainda de escrever e tagarelar sobre cinema, videojogos e ocasionalmente política.

Contribui para o Shifter para mais artigos como este:

2 €/mês

5 €/mês

10 €/mês

15 €/mês

Donativo

Artigos Relacionados

Junta-te à Comunidade
Jornalismo é aquilo que fazemos todos juntos. Entra na Comunidade Shifter e faz parte da conversa.
Sabe mais
Em teste

Bem-vind@ ao novo site do Shifter! Esta é uma versão beta em que ainda estamos a fazer alguns ajustes.Partilha a tua opinião enviando email para comunidade@shifter.pt