Os clássicos da Disney se fossem em 2017

Tom Ward re-interpreta as personagens animadas à luz dos novos tempos.

Foi o Mashable que notou primeiro no trabalho de Tom Ward, uma re-interpretação dos clássicos da Disney à luz dos novos tempos que, no mínimo, nos deixa a pensar sobre a diferença dos tempos.

O trabalho – que percorre desde filmes mais antigos como Livro da Selva, passando por todos os outros inconfundíveis como Peter Pan ou Aladin – segue o registo do ilustrador britânico, que pega em personagens icónicas e transporta-as para contextos completamente diferentes e ao serviço de uma determinada mensagem social..

Em entrevista ao Mashable, o ilustrador revela que a sua ilustração preferida é a recriação de A Espada Era a Lei. Apesar de confessar a dificuldade na escolha, Ward vê neste trabalho um importante alerta sobre como os smartphones alteraram a nossa vida.

A maioria das ilustrações não deixam dúvidas quanto ao seu propósito e significado, por isso deixamo-las à vossa contemplação. Encontras mais no Instagram.

Previous As vantagens de quem Salva a Terra
Next Joe Pesci sai, por fim, da “reforma”