20 mil euros para as melhores ideias para as cidades do futuro

As candidaturas à 5ª edição do BIG Smart Cities decorrem até 23 de Maio.

Estão abertas as candidaturas para a 5ª edição do BIG Smart Cities, competição de empreendedorismo que procura ideias de negócio de base tecnológica que melhorem o dia-a-dia de quem vive, visita e/ou trabalha nos grandes centros urbanos. Os 20 mil euros em prémios monetários estão “em jogo” até 23 de Maio.

Iniciativa de âmbito nacional, o BIG Smart Cities tem este ano a “casa” em Cascais, município que decidiu acolher a competição depois de 4 edições baseadas na capital. Perto de Lisboa, Cascais quer ser uma cidade experimental onde start-ups nacionais possam testar, em ambiente real, as suas soluções tecnológicas para as cidades inteligentes do futuro. Cascais é já uma cidade inteligente em alguns campos, nomeadamente ao nível da mobilidade, eficiência energética e gestão de resíduos, com tecnologias implementadas em vários pontos da cidade.

Numa primeira fase, serão os vencedores do BIG Smart Cities a ter acesso ao enorme laboratório urbano em que se transformará Cascais, facultando-se depois a adesão a outros projectos cuja tecnologia desenvolvida contribua para dar resposta aos desafios que as cidades modernas hoje enfrentam – sejam eles de ordem demográfica, territorial ou climatérica, bem como de partilha e gestão de recursos naturais (hídricos, energéticos, aquecimento global) e humanos (envelhecimento da população, exclusão social).

As candidaturas para o BIG Smart Cities podem ser submetidas até 23 de Maio, através do bigsmartcities.pt, em cinco áreas de oportunidade: Mobilidade, Participação e Inclusão, Turismo, Living e Ambiente. Além da oportunidade para testar os seus projectos em Cascais, as startups que concorrerem habilitam-se a prémios monetários no valor de 10 mil euros (grande vencedor) ou 2500 euros (segundo e terceiro lugares), seis meses de incubação no Vodafone Power Lab e uma viagem para conhecer um polo de inovação da Ericsson na Europa.

O BIG Smart Cities vai andar em digressão por Braga, Porto, Coimbra, Évora e Lisboa, com cada uma das cidades a promover eventos locais, intitulados BIG City Challenges: cinco competições, a decorrer entre 27 de Abril e 23 de Maio, onde se avaliarão as propostas dos potenciais empreendedores inscritos e se elegerá dois finalistas por cidade. Além de ganharem acesso directo à final do concurso, os dez projectos eleitos nestes eventos receberão um prémio monetário de 500 euros cada.

Os empreendedores que não conseguirem marcar presença nos BIG City Challenges de Coimbra (27 de Abril), Braga (4 de Maio), Porto (11 de Maio), Évora (16 de Maio) e Lisboa (17 de Maio), mas submeterem as suas candidaturas online, serão avaliados à distância pelo júri e, posteriormente, através de entrevistas. No final do processo de selecção serão escolhidos 20 finalistas, a anunciar a 30 de Maio, iniciando-se de seguida o programa de pré-aceleração de um mês onde os jovens empreendedores irão receber formação e apoio para transformarem as suas ideias em negócios viáveis.

A final do BIG Smart Cities acontece no dia 11 de Julho, onde vão ser apresentados publicamente os pitches dos projectos finalistas.

Previous Depois do Snapchat, Instagram pisca o olho ao Pinterest
Next O que podemos esperar do novo filme de ‘Star Wars’?

Suggested Posts