Melhor que o cartaz do NOS Primavera Sound só mesmo a forma como foi revelado

Um exemplo incrível de como anunciar festivais na era da internet.

Já vimos cartazes e nomes para festivais de música serem anunciados de diferentes formas. Desde um intrigante jogo para telemóvel a um misterioso cartaz no meio da rua, que só à noite revelava a mensagem completa, o braço espanhol do Primavera Sound tem sido perito em criatividade.

Naturalmente que o Primavera Sound beneficia de um estatuto privilegiado, não só pela qualidade dos nomes que leva todos os anos a Barcelona, mas também pela estratégia que segue desde o início de revelar todo o cartaz de uma só vez. A edição portuense do evento – o NOS Primavera Sound – tem seguido a mesma fórmula do irmão espanhol, diferenciando-se dos restantes festivais portugueses, que optam por confirmar os diferentes artistas ao longo dos meses que antecedem o Verão.

São estratégias igualmente válidas. Se anunciando tudo de uma vez ganha-se um enorme buzz nas redes social com a partilha ofegante do póster e/ou vídeo do festival, revelando o cartaz “às pinguinhas” consegue-se que o festival seja falado durante um espaço temporal mais alargado, ao mesmo tempo que é dado foco individual a bandas e artistas que têm uma popularidade inquestionável.

Se é verdade que o line-up do o NOS Primavera Sound foi desde o início relevado de uma vez só, também é verdade que a edição de 2017 é a primeira em que esse anúncio foi feito de uma forma excepcional. Com a ajuda do Canal180, parceiro de longa data, o festival promoveu na terça-feira, sem aviso prévio, um directo no Facebook onde, durante cerca de uma hora, mostrou um jovem, de casaco e boné amarelo, a andar pela cidade do Porto e publicar no Instagram Stories.

Quem seguisse o Live do NOS Primavera Sound nada ficaria a saber sobre o cartaz da edição de 2017 do festival, mas de certeza que ficaria curioso com o que estava a ver. Afinal, a história que o vídeo nos contava era a de um jovem – o Diogo Matos, do colectivo Chei Krew – que encontra uma garrafa com uma mensagem no seu interior, no meio do areal de uma praia em Matosinhos. “NOS Primavera Sound 2017 Line-up” e “From BCN” (ou seja, “de Barcelona”) era o que se podia ler no vidro da garrafa.

Quem abrisse o Instagram, podia ver na Story do NOS Primavera Sound as várias fotos e vídeos que o Diogo estava a publicar. E aí, sim, ficar a saber que Bon Iver, Justice, Aphex Twin, The Make-Up, Miguel, Skepta, Flying Lotus, Run The Jewels, Metronomy e Richie Hawtin, entre tantos outros, andarão pelo Parque da Cidade da Invicta de 8 a 10 de Junho do próximo ano.

Podes ver uma compilação do conteúdo publicado no Instagram Stories de seguida:

Quer o directo como as imagens partilhadas no Instagram foram, obviamente, previamente preparadas e a sua publicação sincronizada foi coordenada pela equipa do Canal180.

Em edições anteriores, o Canal180 já tinha trabalhado com o NOS Primavera Sound na grande revelação do alinhamento, tendo optado quase sempre pela realização de um vídeo ao longo do qual os diferentes nomes eram desvendados. Foi assim em 2016 e também em 2015.

Este ano, arriscou numa coisa diferente. Uma forma bem mais arrojada que resultou bastante bem. É que além de infinitas partilhas do line-up, por ser um dos melhores de todas as edições do Primavera Sound do Porto, os elogios foram foram também para a forma como esse alinhamento foi desvendado. Não só é uma das campanhas mais mais fixes de que há memória para apresentar o cartaz de um festival de música, como um exemplo incrível de como anunciar festivais na era da internet, onde o público procura histórias cativantes e coisas diferentes.

Olhando paras os números conhecidos, o Live chegou a ser acompanhado por cerca de 3 mil pessoas em simultâneo. À data de publicação deste artigo, o vídeo já foi visto quase 100 mil vezes. E as imagens tiveram, no Instagram Stories, cerca de 3 mil visualizações só na primeira hora.

Recentemente, o Canal180 colaborou também com o festival Vodafone Paredes de Coura – que, como o NOS Primavera Sound, é organizado pela promotora Ritmos – no anúncio da primeira leva de nomes do cartaz. Foi feito um directo no Facebook a partir da Praia Fluvial do Taboão, durante o qual um par de árvores foi iluminado com os nomes Foals, Car Seat Headrest, Benjamin Clementine e Ty Segall.

Ao contrário da transmissão do NOS Primavera Sound, esta aconteceu em directo de verdade, não tendo sido previamente gravado e depois simulada.

Para o caso de teres estado a viver debaixo de uma pedra nos últimos dias, aqui fica o cartaz do NOS Primavera Sound 2017: