Este são os Spectacles, os “Google Glass” do Snapchat


O Snapchat (perdão, a Snap) revelou na sexta-feira os Spectacles, uns óculos de sol que captam 10 segundos de vídeo para partilhar com os amigos através do Snapchat. Os Spectacles vão estar disponíveis em três padrões e estão equipados com duas câmaras fotográficas que produzem um vídeo de formato circular, com uma amplitude de 115º.

Porque grava um vídeo circular, o mesmo pode ser visto num telemóvel na horizontal ou na vertical. E assim fica resolvida uma das grandes questões da actualidade: filmar na horizontal ou na vertical? É uma ideia brilhante. O utilizador tem apenas de gravar e são os amigos com quem partilha o vídeo que têm de rodar o telemóvel para assistir no melhor formato – o telemóvel roda, o vídeo não.

spectacles_02

Os conteúdos gravados com os Spectacles ficam guardados no equipamento e podem ser enviados para o telemóvel através de wi-fi ou Bluetooth, para partilha via Snapchat. A bateria dos óculos dura um dia, segundo a empresa, e pode ser carregada até quatro vezes na caixa dos mesmos.

É impossível pensar nos Spectacles sem nos lembrarmos dos Google Glass, uma ideia que foi total desastre desastre. Contudo, estamos a falar de produtos diferentes. Os Google Glass faziam tudo e mais alguma coisas, desde chamadas a envio de SMS, gravação de vídeos, jogos, etc. Era como ter um telemóvel à frente dos olhos. Já os Spectacles servem apenas como câmara e, para quem está preocupado com a sua privacidade, os óculos mostram uma luz vermelha sempre que estiverem a gravar.

spectacles_03

Com os Spectacles, os utilizadores do Snapchat ganham uma forma de partilhar a sua vida e ao mesmo tempo vive-la, dado que não precisam de estar a segurar num telemóvel. Por outro lado, os vídeos que gravam e partilham são muito mais intimistas, permitindo aos amigos que assistem sentirem-se nos seus sapatos. Os óculos vão custar 130 dólares e não existe para já qualquer indicação de que venham a ser vendidos fora dos Estados Unidos.

Previous Fumar erva não é crime em Portugal, mas a PSP afirma o contrário
Next Empresa que faz o Snapchat muda de nome

Suggested Posts