John Oliver explica porque há tantos estudos científicos a parecer bullshit


“É a ciência bullshit?” A pergunta é colocada por John Oliver no seu último Last Week Tonight e rapidamente respondida pelo próprio: “claramente não”. O comediante explica que apenas há muito bullshit mascarado de ciência e é esse bullshit que os media propagam. São estudos atrás de estudos, alguns com conclusões bizarras, outros que se contradizem entre si.

Sim, John Oliver está a falar também daqueles links que já todos vimos ou partilhámos uma vez ou outra no Facebook – muitas vezes até fazemos essa partilha em jeito de piada com um amigo.

“A ciência é pela sua natureza imperfeita, mas é extremamente importante. E merece mais do que ser adulterada e transformada num programa de fofocas matinal”, diz o apresentador. John Oliver aponta vários problemas dos estudos científicos. Por um lado, a pressão das revistas da especialidade junto dos investigadores para estes publicarem frequentemente e fazerem-no com resultados cativantes. Por outro, a inexistência de estudos de replicação, um método científico de verificação.

Simultaneamente existe um exagero nos comunicados de imprensa para tornar os assuntos mais interessantes para os media e respectiva audiência, bem como uma ausência de esforço por parte dos jornalistas de verificar a metodologia científica aplicada nos estudos ou explicar as advertências (como uma amostra de pequena dimensão).

Previous Kendrick Lamar em spoken word neste novo anúncio da Reebok
Next O Instagram tem um novo logo (e um novo design)

Suggested Posts