Das cinzas do Codebits, nasce o Pixels Camp. Estás preparado?


Realizou-se anualmente entre 2007 e 2012 e teve uma última edição em 2014. Ao longo das 7 edições, o Codebits afirmou-se como um dos maiores eventos de tecnologia em Portugal, debaixo da âncora SAPO. Em 2016, o Codebits vai regressar com um novo nome – Pixels Camp.

Celso Martinho não podia deixar o SAPO sem trazer na mala o Codebits. O evento será organizado agora pela Bright Pixel, uma nova incubadora em Lisboa, e acontecerá este ano de 6 a 8 de Outubro no LXFactory. Serão 3 dias “non-stop” de conferências, workshops e ainda um concurso de programação (hackathon), que promete estimular a criatividade de dezenas de hackers durante 48 horas.

O último Codebits teve lugar no MEO Arena e contou com 900 participantes. O objectivo este ano é chegar aos quatro algarismos, mas manter o espírito das edições passadas. E por espírito falamos da dinâmica do próprio evento e, em particular, do convívio entre os participantes do hackathon. Esperam-se momentos de partilha de conhecimento, de desenrasque e também de divertimento.

Os hackathons são o espaço que os programadores têm para criar e experimentar ideias. Realizam-se um pouco por todo o mundo, do Netflix à Gulbenkian.

Sobre o primeiro Pixel Camp sabe-se ainda muito pouco. Entre outros parceiros, a Bright Pixel vai contar com o apoio das startups portuguesas Feedzai e Talkdesk, e também de grandes empresas como a Sonae, a NOS, a Microsoft e o GitHub. Neste momento, estão abertas as candidaturas para interessados em fazer uma conferência ou workshop no Pixel Camp.

Enquanto Codebits, o evento acolheu intervenientes nacionais e internacionais que aos geeks da programação dizem bastante. Na última edição, por exemplo, falou-se de Firefox e HTML5, de impressão 3D, do que se pode fazer com o sensor de movimentos Xbox Kinect e de criptomoedas (Bitcoin).

Para mais detalhes sobre o Pixel Camp, passa no site oficial e fica atento às contas oficiais de TwitterGitHubFacebook e Instagram.

Previous Bright Pixel é a nova aventura do co-fundador do SAPO, Celso Martinho
Next Novo videoclipe dos Savanna é um sinal para mais coisas boas

Suggested Posts