Tremer demais não é um problema para o novo topo-de-gama Mi 5


A Xiaomi está a instalar-se cada vez mais no mercado como a principal concorrente das grandes marca como a Apple e a Samsung. Na manhã desta quarta-feira, o carismático brasileiro Hugo Barra esteve em Barcelona a apresentar o novo topo-de-gama da marca, o Mi 5, que traz caraterísticas impressionantes e uma câmara que te vai deixar de boca aberta.

Com todas as armas possíveis e imaginárias. Foi desta forma que a Xiaomi entrou no MWC 2016 com o Mi 5. Trata-se de um smartphone com um processador Snapdragon 820 (em versões de 1.8 e 2.15 GHz), 4 GB de memória RAM e com a possibilidade de um incríveis 128 GB de armazenamento interno.

mi5mwc16_02

Hugo Barra falou maravilhas do processador e deixou toda a gente com expectativa em relação àquilo que vão encontrar. Estamos a falar de um chip de 64-bits octa-core, que promete aguentar sem problemas a transmissão de um vídeo em 4K.

E por falar em altas resoluções, o ecrã, de 5,15 polegadas, é um 2K Ultra HD Screen e o contraste permite que as imagens sejam visíveis até em ambientes de muita luz. A bateria, de 3000 mAh, suporta carregamento rápido.

O terminal pesa apenas 129 gramas, e isso sente-se. O design é bonito, elegante, coberto em cerâmica e a parte frontal tem até algumas semelhanças com o Galaxy S7, já que também um botão home parecido (com sensor biométrico) e o vidro curvo, para além de umas bordas muito finas. Mas é mesmo no setor da fotografia que o Mi 5 impressiona mais.

O sensor de 16 megapíxeis tem uma abertura de f/1.6, um valor recorde num smartphone e que bate os f/1.7 do S7 – quer isto dizer que tirar fotografias com pouca luz não deverá ser um problema. Para além disso, a tecnologia de estabilização do Mi 5 faz diretamente frente ao iPhone 6S e 6S Plus, e a fabricante publicou um vídeo que mostra os resultados:

Par além de fotos menos desfocadas, o Mi5 tem também uma boa prestação na estabilização em vídeo, embora não vá além da resolução Full HD. A câmara frontal tem a resolução de 4 megapixels e uma abertura de f/2.0, que mesmo assim é melhor em relação à câmara traseira do iPhone 6S (f/2.2).

Resistência à água, NFC e u flash-duplo são também alguns dos extras que o Mi 5 tem, e tudo por um preço que começa em… pouco mais de 310 dólares, para a versão de 32 GB (esta variante tem 3 GB de RAM), tornando-o num dos melhores smartphones com a relação custo/desempenho do mercado. A versão de 64 GB custará 350 dólares e a de 128 GB ficará-se pelos 410 dólares.

mwc16banner