Moullinex colocou o Lux a dançar ‘Star Wars’

O Império conquistou Lux sob o comando de Moullinex.

Estamos habituados a ver Moullinex lançar-se nas mais variadas aventuras. Seja enquanto DJ, a produzir canções e discos pop acompanhado de Best Youth ou de Sequin, ou a tocar ao vivo Elsewhere, o muito aclamado álbum de 2015 que junta rock psicadélico e indie à música de dança que estamos habituados a ouvir por parte do músico de Viseu, Luís Clara Gomes já provou não saber estar quieto — e ainda bem.

No passado dia 18 de Dezembro, um dia depois da estreia de Star Wars: The Force Awakens, Moullinex vestiu a pele de Darth Vader e reuniu a sua tropa de stormtroopers do funk para pôr o Lux a dançar ao som da banda sonora criada por John Williams.

Foi a propósito de mais um Black Balloon que Diogo Sousa (bateria), Miguel Vilhena (guitarra, percussões), Gui Salgueiro (teclados, R2D2), André Cameira (flauta), Sandro Félix (trumpete), Dinis Sousa (saxofone), João Ramos (trompa) e João Guerra (bombardeio) se juntaram ao músico, que assumiu o baixo e a mpc, para tocar, ao longo de pouco mais que 20 minutos, uma adaptação de “Star Wars and other Galactic Funk”, disco do produtor Meco, de 1977, que interpreta numa versão funk e disco a banda sonora de Star Wars: A New Hope, o primeiro episódio da saga lançado no mesmo ano.

Para o bem desta galáxia e de todas as outras, por mais distantes que aparentem estar, o concerto foi filmado e lançado hoje no Youtube da Discotexas, editora  e colectivo criado por Moullinex e Xinobi. A invasão do Império à discoteca lisboeta pode ser vista, na íntegra, no vídeo deste artigo.

Partilha nas redes sociais:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Contribui para o Shifter para mais artigos como este:

2 €/mês

5 €/mês

10 €/mês

15 €/mês

Donativo

Artigos Relacionados

Junta-te à Comunidade
Jornalismo é aquilo que fazemos todos juntos. Entra na Comunidade Shifter e faz parte da conversa.
Sabe mais
Em teste

Bem-vind@ ao novo site do Shifter! Esta é uma versão beta em que ainda estamos a fazer alguns ajustes.Partilha a tua opinião enviando email para comunidade@shifter.pt