Shia LaBeouf está a assistir a todos os seus filmes agora mesmo


Shia LaBeouf
 
Este artigo é gratuito como todos os artigos no Shifter.
Se consideras apoiar o nosso trabalho, contribui aqui.

Shia LaBeouf tem-nos habituado aos desafios mais insólitos, mas este é bem capaz de ser o maior até à data. Inserido no projecto #ALLMYMOVIES, o actor propôs-se a ver todos os filmes em que já participou por ordem cronológica inversa.

Segue o livestream aqui!

O projecto #ALLMYMOVIES é a última colaboração de Shia LaBeouf com o artista finlandês Nastja Säde Rönkkö e o britânico Luke Turner. Desta já recorrente colaboração entre o actor e os artistas surgiu também #IAMSORRY. Nesta performance o actor colocava-se frente a frente com elementos do público presente e, individualmente, ficava a encará-los enquanto chorava ou simplesmente olhava-os em silêncio enquanto usava um saco colocado na cabeça onde dizia “I am not famous anymore.”

Já este ano o actor tinha sido notícia por outra actuação. Envolvido numa outra performance, a #INTRODUCTIONS, novamente em colaboração com Rönkkö e Turner e em conjunto com estudantes da Escola de Artes de Londres, a Central Saint Martins, o actor viria a fazer um vídeo com conteúdo motivacional  que pouco depois se espalhou como meme por toda a internet.

allmymovies_02

As iniciativas do trio artístico conhecem agora um novo capítulo com LaBeouf, desta vez, a assistir a todos os seus filmes no Angelika Film Center em Nova Iorque durante três dias. Mais do que um simples olhar sobre toda a sua carreira como actor, trata-se também de um retrato experimentalista e em retrocesso do próprio assim como uma confrontação entre o “eu” privado e o “eu” público como refere o actor em entrevista ao site Dazed.

allmymovies_03

Agora e até ao final do dia de hoje, se não puderes ir até Nova Iorque e ver os filmes na companhia do protagonista de Transformers gratuitamente, podes sempre vê-lo através do stream de vídeo em directo colocado em frente ao actor enquanto este vê as suas próprias interpretações.

Investimos diariamente em artigos como este.
Precisamos do teu investimento para poder continuar.