Um jornalista perguntou e o YouTube respondeu com um GIF

O GIF que te apresentamos em baixo foi a resposta oficial do YouTube a um jornalista do The Daily Dot, que pediu um comentário ao rumor de que a empresa detida pela Google tem planos para crescer no mercado dos videojogos.

Já existem muitos gamers a usar o YouTube para partilhar os seus jogos, mas Richard Lewis do The Daily Dot escreveu que a empresa está a trabalhar num produto para se desenvolver nessa área. Basicamente, a plataforma de streaming pode querer criar algo parecido com o Twitch, que cresceu com o chamado eSports aka ver outras pessoas a jogar videojogos.

O GIF – que mostra uma menina vestida de cor-de-rosa e com totós a abanar negativamente a cabeça – foi a forma que a equipa de imprensa do YouTube encontrou para dizer “não temos comentários a fazer sobre esse assunto”.

respostayoutubegif_01

Para que não restassem dúvidas, o mesmo representante do YouTube contactou o jornalista um dia depois do envio do GIF para garantir que este era a resposta oficial da empresa “O GIF é mesmo a nossa resposta oficial. Não foi tecnicamente dizer que não comentávamos e agradecíamos que o incluíssem na peça”, disse esse representante, citado por Lewis.

Desconfiada, a revista Wired entrou em contacto com a Google para confirmar se eles tinham de facto enviado o GIF. Chris Dale, director de comunicação do YouTube, respondeu via Twitter… com um novo GIF. “Gostamos do Stephen Colbert, mas preferimos confirmar com GIFs de animais”, tweetou.

Este foi o GIF que Chris enviou à Wired:

respostayoutubegif_02

Este era o GIF que a Wired disse, num artigo, que gostaria que o YouTube utilizasse como resposta:

respostayoutubegif_03

São estes os novos tempos em que vivemos. Tempos em que um GIF já é uma resposta oficial de uma empresa. Well done, YouTube!

Partilha nas redes sociais:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
  • Jornalista, adepto de cidades humanas e curioso por ideias que melhorem o país. Co-fundei o Shifter em 2013, sou desde 2020 coordenador do projecto editorial Lisboa Para Pessoas.

Contribui para o Shifter para mais artigos como este:

2 €/mês

5 €/mês

10 €/mês

15 €/mês

Donativo

Artigos Relacionados

Junta-te à Comunidade
Jornalismo é aquilo que fazemos todos juntos. Entra na Comunidade Shifter e faz parte da conversa.
Sabe mais
Em teste

Bem-vind@ ao novo site do Shifter! Esta é uma versão beta em que ainda estamos a fazer alguns ajustes.Partilha a tua opinião enviando email para comunidade@shifter.pt