Brunchcity: mini-cidades comestíveis

Lisboa e os pastéis de Belém já fazem parte deste projeto que vai continuar a fazer delícias pelo mundo fora.

O nome não deixa margem para dúvidas. Brunchcity junta várias cidades mundiais a alguns dos snacks mais icónicos que cada uma tem para oferecer. Junta ainda as espanholas Bea Crespo e Andrea Garcia Portolés, ilustração e fotografia e os interesses que as unem.

Este projecto foi a forma que ambas encontraram para fundir em harmonia o gosto mútuo por viagens e comida. Bea Crespo é a ilustradora responsável por desenhar as paisagens arquitectónicas e os edifícios mais relevantes e conhecidos da identidade de cada cidade. Usando a comida como palco artístico, as miniaturas em papel são depois estrategicamente colocadas sobre os alimentos.

O resultado são umas pequenas e criativas “cidades comestíveis” e cabe a Andrea G. Portolés fotografar as peças para terminar o processo. Há um mini-Coliseu de Roma no topo de um cone com gelato, a Torre Eiffel mudou-se para cima de um oh-so-french croissant, Nova Iorque cabe num pacote de batatas fritas e Dublin quase afunda numa pint de cerveja preta.

Vale a pena ter atenção aos portefólios de ambas e conhecer outros trabalhos. Quanto a Brunchcity, as autoras prometem que ainda há muito para fazer. Lisboa e os pastéis de Belém já fazem parte deste projeto que vai continuar a fazer delícias pelo mundo fora.

brunchcity_athens

Atenas

brunchcity_barcelona

Barcelona

brunchcity_berlin

Berlim

brunchcity_brussels

Bruxelas

brunchcity_dublin

Dublin

brunchcity_cuba

Havana

brunchcity_lisbon

Lisboa

brunchcity_london

Londres

brunchcity_madrid

Madrid

brunchcity_morocoo

Marraquexe

brunchcity_newyork

Nova Iorque

brunchcity_paris

Paris

brunchcity_pekin

Pequim

brunchcity_italy

Roma

brunchcity_tokio

Tóquio