4 anos no banco de trás de um táxi

Desde pensionistas a prostitutas, milionários, drug dealers, novos, velhos, ricos ou pobres, cada viagem teve uma narrativa e interação própria.

Mike Harvey é um taxista galês que durante 4 anos fotografou os seus passageiros. As fotografias que o próprio trouxe a público revelam a diversidade de pessoas da comunidade de Neath com quem Harvey se cruzou nesse período.

Desde 2010 que milhares de pessoas passaram pelo taxi de Harvey. Desde pensionistas a prostitutas, milionários, drug dealers e bêbados; novos, velhos, ricos ou pobres, cada viagem teve uma narrativa e interação própria que Harvey procurou captar nas fotografias que podem agora ser vistas por todos numa colecção intitulada The Taxi.

“Quer se tratasse de levar apressadamente uma mulher grávida ao hospital ou ser regalado com histórias da 2ª Guerra Mundial por um passageiro mais velho, o táxi deu-me um espaço para conhecer, conversar e aprender com as pessoas”, conta.

Durante estes quatro anos, Harvey ora trabalhava, ora viajava com o dinheiro que juntava e que lhe permitiu ir visitar a Índia, Nepal, Egito, Brasil e China.

mikeharveytaxista_02

mikeharveytaxista_28

mikeharveytaxista_27

mikeharveytaxista_26

mikeharveytaxista_25

mikeharveytaxista_24

mikeharveytaxista_23

mikeharveytaxista_22

mikeharveytaxista_21

mikeharveytaxista_20

mikeharveytaxista_19

mikeharveytaxista_18

mikeharveytaxista_17

mikeharveytaxista_16

mikeharveytaxista_15

mikeharveytaxista_14

mikeharveytaxista_13

mikeharveytaxista_12

mikeharveytaxista_11

mikeharveytaxista_10

mikeharveytaxista_09

mikeharveytaxista_08

mikeharveytaxista_07

mikeharveytaxista_06

mikeharveytaxista_05

mikeharveytaxista_04

mikeharveytaxista_03