É pequeno, reciclável e carrega a bateria do teu telemóvel


Antes que comeces já a sacar a carteira do bolso, há que fazer um aviso: para já, é apenas um conceito. Mas ninguém garante que este Mini Charger, como é chamado, não possa vir a ser algo palpável. Aliás, é essa a intenção de quem o fez – o designer Tsung Chih-Hsien.

O Mini Power é um pequeno pedaço de cartão capaz de carregar o teu telemóvel. Como? A celulose (o principal constituinte do papel) é utilizada como matéria condutora, existindo uma camada de tinta com nanotubos de carbono que armazena cargas elétricas. A energia eléctrica é, assim, conduzida com alto desempenho desta superfície para a bateria do telemóvel, passando pelo cartão.

minipower_02

Na prática, precisas apenas de adquirir um Mini Power e de o ligar ao teu telemóvel. A ideia é existirem 3 modelos disponíveis, consoante a autonomia da bateria que precises: 2 horas, 4 horas ou 6 horas. O Mini Power é reciclável, significa isso que, depois do usares, podes colocá-lo no ecoponto azul.

A ideia de baterias descartáveis não é nova. Nas lojas de conveniência no Japão existem muitas à venda, mas a diferença para o Mini Power é que elas não são nada amigas do ambiente. Na verdade, usam baterias de lítio (e não de cartão) e vêm em embalagens de plástico.

O Mini Power é um projecto muito interessante e mal podemos esperar para o ver na rua. O júri do Red Dot Award concorda; Segundo o júri, o “Mini Power vai alterar a forma como utilizamos carregadores portáteis”. Foi talvez por isso que atribuiu ao conceito de Tsung Chih-Hsien o prémio deste ano.

minipower_03