China vai usar lasers no combate aos drones


A China divulgou a sua primeira arma anti-drone. Trata-se de um sistema de lasers de alta precisão capaz de localizar e destruir um drone em 5 segundos. Tem um alcance de 1,2 km, é eficaz até uma altitude máxima de 500 metros e intercepta aparelhos que voem a velocidades superiores a 160 km/h.

No primeiro teste público do laser, foram destruídos mais de 30 drones.

Em 2012, os EUA testaram um aparelho semelhante a bordo do navio USS Ponce. Armas deste tipo tornaram-se uma linha a seguir na defesa contra drones militares desde então.

Na China, é esperado que este sistema desempenhe um papel fundamental na garantia da segurança do país. Reuniões com políticos, conferências internacionais e eventos desportivos têm grandes esquemas de segurança e são apontados pela imprensa chinesa como os principais beneficiários desta novidade militar. As forças militares chinesas acreditam que estes pequenos aviões não tripulados são uma escolha provável para terroristas e a criação deste sistema garante uma taxa de sucesso de 100%.

Previous A Adidas encontrou os ténis do momento numa loja saída do passado
Next O World Trade Center voltou e está mais trendy do que nunca