A File completou a primeira missão e entrou em hibernação


Este artigo é gratuito como todos os artigos no Shifter.
Se consideras apoiar o nosso trabalho, contribui aqui.

Na semana passada, a File libertou-se do satélite Roseta e “acometou” no 67P. As primeiras 57 horas no cometa foram bastante atarefadas para a sonda, que passou o tempo a perfurar o terreno para recolher dados sobre ele e sobre o ambiente envolvente. Grande parte da missão ficou concluída e os dados foram enviados com sucesso para a Roseta.

Os investigadores irão agora analizar os primeiros dados recolhidos pela File e seguramente terão muito tempo para o fazer, isto porque a File encontra-se agora a “dormir”. Sim, devido aos imprevistos da acometagem, com a não abertura dos arpões de fixação, a sonda acabou por ficar retida num buraco ao qual chega pouca luz solar, essencial para alimentar os painéis solares da File.

Com o fim das baterias, a sonda encontra-se agora em hibernação, à espera de uma aproximação da órbita do cometa ao Sol para voltar a acordar. Além disso, os cientistas conseguiram reorientar um pouco a File enviando instruções para que a sonda se levantasse um pouco do solo e rodasse cerca de 35º, para que ela recebesse mais luz solar.

Por agora é tempo de analizar os dados e esperar que os painéis da File voltem a receber luz solar e esta possa acordar, e continuar a sua fascinante missão no cometa.

A File avisou a Roseta de que ia dormir… via Twitter

A File foi “dormir”, mas não deixou a sua “mãe” Roseta sem aviso. Através do Twitter, sonda e satélite comunicaram por uma última vez antes da “longa” hibernação.

fileroseta_conversatwitter

Investimos diariamente em artigos como este.
Precisamos do teu investimento para poder continuar.