Mark Zuckerberg fala mandarim?

Mark Zuckerberg participou, esta quarta, numa sessão de perguntas e respostas com alunos da Universidade de Tsinghua, em Pequim. O CEO do Facebook falou durante 20 minutos em mandarim, como mostra o vídeo que o próprio partilhou na sua página na rede social.

Rapidamente o mandarim de Zuckerberg se espalhou pela Internet e, em particular, pelos media, que o rotularam de “incrível” ou “impressionante”. No Shifter não conseguimos avaliar, mas dizem os críticos mais atentos que a fluência do dono do Facebook na língua oficial da China é má.

 

Dúvidas à parte, há que louvar o esforço de Mark Zuckerberg em falar uma língua aparentemente complicada. Zuckerberg começou a aprender mandarim em 2010 e um dos motivos para tal foi o facto da família de a sua mulher (Priscilla Chan) ser chinesa.

Certo é que o mandarim de Zuckerberg pode ajudar o Facebook a reconquistar a China, um país onde está bloqueado desde 2009. De acordo com a Reuters, Mark está esta semana em reuniões com potenciais parceiros anunciantes e alguns especialistas, para estudar o mercado chinês. O Facebook precisa de entrar na China para alargar a sua base de utilizadores e o seu negócio de publicidade.

Partilha nas redes sociais:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
  • Jornalista, adepto de cidades humanas e curioso por ideias que melhorem o país. Co-fundei o Shifter em 2013, sou desde 2020 coordenador do projecto editorial Lisboa Para Pessoas.

Contribui para o Shifter para mais artigos como este:

2 €/mês

5 €/mês

10 €/mês

15 €/mês

Donativo

Artigos Relacionados

Junta-te à Comunidade
Jornalismo é aquilo que fazemos todos juntos. Entra na Comunidade Shifter e faz parte da conversa.
Sabe mais
Em teste

Bem-vind@ ao novo site do Shifter! Esta é uma versão beta em que ainda estamos a fazer alguns ajustes.Partilha a tua opinião enviando email para comunidade@shifter.pt