Medium recebe investimento externo de 25 milhões de dólares


O Medium, a plataforma de blogging iniciada pelo co-fundador do Twitter Evan Williams, captou a atenção de um grupo de investidores e conseguiu 25 milhões de dólares. Trata-se do primeiro investimento externo desde que o serviço foi lançado em Agosto de 2012.

O Medium não é a primeira aventura de Evan Williams no mundo dos blogues. Williams foi também um dos fundadores do Blogger, um dos primeiros espaços para blogging que apareceram na Internet (o Blogger foi posteriormente comprado pela Google). O Medium actualiza conceito do Blogger: tem um design mais fresco e bastante atractivo, acrescentando oportunidades de networking e colaborações para escritores.

“Há cerca de 2 anos, comecei um projecto exploratório no The Obvious Corporation para perceber como uma plataforma de blogging feita de raiz seria num Mundo como o de hoje. Uma plataforma aberta a todos, o mais simples possível, que encoraja a colaboração, e que coloca as melhores ideias e histórias em destaque no topo”, escreveu Evan Williams também no Medium.

Williams foi o primeiro e principal fundador do Medium, mas o site também pertence a Biz Stone. outro co-fundador do Twitter, e a Jason Golman, que já trabalhou no Twitter como Vice President of Product.

“Hoje, o Medium é uma empresa independente (…). Temos feito excelentes progressos – 2013 foi um grande ano para o Medium em termos de crescimento e amadurecimento do produto. Mas estamos ainda no início”, acrescentou Williams nesse mesmo post. O investimento de 25 milhões de dólares agora recebido provém da Greylock Partners, uma empresa de Silicon Valley que também já investiu no Jelly, e também do Google Ventures e de outros investidores.

“Como CEO, o meu objectivo é maximizar as possibilidades de sucesso do Medium. Ao expandir a nossa rede e ao ter parceiros em quem me apoiar é uma óptima maneira de o conseguir”, explicou. Sendo o maior grupo de investidores, a Greylock Partners  terá dois directores no Medium, David Sze e Josh Elman.

“Quando o Blogger começou há quase 15 anos, foi um dos primeiros produtos a dar às pessoas um local onde publicar os seus pensamentos”escreveram Elman e Sze no Medium. “Desde então, o conteúdo cresceu exponencialmente, mas ainda há muito por fazer para ajudar as pessoas a expressar as suas ideias e chegar a outras pessoas que possam estar interessadas.”

Previous Chrome Apps a caminho do iOS e do Android
Next Line-Up, a curta que apresenta o cartaz do Primavera Sound 2014