Google expande Knowledge Graph para contextualizar resultados de pesquisa

Quando temos uma lista de resultados à frente, queremos perceber de onde é que esses resultados vêem para que possamos escolher o melhor. Isto porque a confiança que depositamos num pequeno blogue ou até na Wikipedia, é diferente daquela que temos perante uma universidade ou instituição governamental, por exemplo.

Por isso, a Google começou a contextualizar os resultados de pesquisa. Debaixo do título e ao lado do URL, aparece o nome da entidade à qual esse URL pertence e uma breve descrição da mesma, juntamente com o logotipo.

Por exemplo, se antes teríamos de clicar no civilwar.org para sabermos ao que ele se referia, agora, conseguimos perceber directamente na pesquisa que se trata do Civil War Trust, uma organização não governamental focada na preservação dos campos de batalha da Guerra Civil dos Estados Unidos.

No fundo, esta funcionalidade é uma expansão do poderoso Knowledge Graph da Google. O Knowledge Graph reúne informação de variadíssimas fontes – nomeadamente o Wikipedia – e dá-nos respostas rápidas ao que pesquisamos, sem ser necessário navegar em websites externos. Por exemplo, se inserirmos “barack obama” temos de imediato

Partilha nas redes sociais:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
  • Jornalista, adepto de cidades humanas e curioso por ideias que melhorem o país. Co-fundei o Shifter em 2013, sou desde 2020 coordenador do projecto editorial Lisboa Para Pessoas.

Contribui para o Shifter para mais artigos como este:

2 €/mês

5 €/mês

10 €/mês

15 €/mês

Donativo

Artigos Relacionados

Junta-te à Comunidade
Jornalismo é aquilo que fazemos todos juntos. Entra na Comunidade Shifter e faz parte da conversa.
Sabe mais
Ainda em testes

Bem-vind@ ao novo site do Shifter! Esta é uma versão beta em que ainda estamos a fazer alguns ajustes.Partilha a tua opinião enviando email para comunidade@shifter.pt