Aviso do Facebook: alcance orgânico dos posts pode diminuir


Há cada vez mais conteúdo a ser partilhado no Facebook e os utilizadores têm cada vez mais conexões. Por isso, a guerra por espaço no News Feed começa a ficar renhida. Para as páginas, isto pode significar uma diminuição no alcance orgânico dos posts.

“O objectivo do News Feed é para mostrar às pessoas o conteúdo certo no tempo certo. Para isso, analisamos a quem e ao quê é que cada utilizador está conectado e a forma como ele interage com essa pessoa ou coisa (quantas vezes clica, partilha, lê, comenta…) para determinar o que mostrar. O News Feed tem de ser útil para os utilizadores e nós continuaremos a melhorá-lo para que a experiência destes seja a melhor possível”, escreve o Facebook.

Todos os dias, sempre que alguém visita o News Feed, existem em média 1 500 histórias que poderiam ser mostradas. Mas só uma parte o é. O News Feed não pode ter tudo, pois torna-se aborrecido. Quem é que conseguiria consultar 1 500 histórias? Os níveis de engagement baixariam, certamente. Faz, por isso, todo o sentido existir um algoritmo que determina o que é interessante e o que é desinteressante para cada utilizador, personalizado o News Feed.

Existem cada vez mais páginas e o número de perfis também está a crescer. As pessoas estão a partilhar mais, pelo que existe mais e mais conteúdo a circular no Facebook. E o que é que isso significa? Uma maior competição por espaço no News Feed. Tal pode resultar para muitas páginas numa diminuição do alcance orgânico dos posts. O Facebook admite que isto poderá ser uma tendência continuada, à medida que a competição aumenta.

A solução? Usar as ferramentas pagas para potenciar o crescimento. Aliás, quem disse que o social media era gratuito? E, claro, combinar os Facebook Ads com uma estratégia criativa, sólida e pensada. Acima de tudo, há que atender à linguagem social dos utilizadores, potenciando dessa forma o envolvimento destes com a página.

Previous Depois do vídeo, qual o próximo grande passo do Instagram? Mensagens, talvez
Next One Minute Of Silence for...