O preço baixa, o Pinterest avisa


O Pinterest agora avisa quando um dos nossos pins baixa de preço. Desta forma, se, por exemplo, aquele relógio do eBay pelo qual me apaixonei há uns dias ficar mais barato, o Pinterest notificar-me-á disso, permitindo-me realizar uma melhor compra. Trata-se de um passo importante rumo ao futuro do comércio electrónico.

O Pinterest começa a ficar muito interessante para o comércio electrónico, ou e-commerce. O Pinterest, que desde muito cedo tem servido para guardarmos em boards os produtos que gostaríamos de comprar, deu agora um passo importante para encorajar os utilizadores a não só aspirar a determinados objectos, mas a comprá-los. A rede social agora avisa se os produtos qur guardámos baixam ou aumentam de preço. Estes alertas de preço servem apenas para os pins de produto, isto é, os Product Pins.

Foi em Maio que o Pinterest deu mais conteúdo aos pins. Por exemplo, se eu fizer pin de um produto à venda num site, esse pin incluí o preço do produto.

Em Maio passado, o Pinterest deu conteúdo mais aos pins com a introdução de vários tipos de pins: Recipes Pins, Movie Pins e Product Pins. Estes pins mostram mais informação que os pins habituais, que são maioritariamente imagens. No caso dos produtos, como roupas, acessórios e mobília, os pins incluem o preço actualizado, informação de stock, o logo do vendedor e um link para o website onde ele pode ser comprado.

Se o preço baixasse, nada aconteceria… até agora! Se guardamos um produto como pin num dos nossos boards, e o preço desse produto alterar-se, recebemos um alerta via e-mail com essa notificação. O Pinterest tentará agregar estas notificações no menor número de e-mails possível, para não spammar as caixas de correio dos utilizadores. Estes podem controlar a frequência destes e-mails de notificação nas definições. Para além dos alertas de e-mails, os próprios pins terão a indicação de mudança de preço.

Com a introdução dos alertas de preço, o Pinterest agora monitoriza as mudanças de preço dos produtos. Esta nova funcionalidade chegará a todos os utilizadores gradualmente.

É algo muito interessante para quem vive do e-commerce. As marcas devem procuram construir sites visualmente apelativos, com grandes imagens dos produtos, e integrar o Pinterest nos mesmos, de forma a que os visitantes possam fazer “pin” dos seus produtos preferidos para os seus boards do Pinterest.

É importante que os sites de e-commerce tenham implementado a tecnologia por detrás dos Producto Pins do Pinterest.