Concentrados na sua vida digital

Patrick Witty é editor de fotografia na revista TIME e, desde Março, documenta no seu Instagram (@patrickwitty) passageiros do Metro de Nova Iorque embrenhados nos seus smartphones, concentrados nas suas vidas digitais.

Patrick Witty estava a caminho do trabalho e sentou-se, no Metro, em frente a uma mulher com “um cabelo incrível, uma explosão de cor e de textura e uns auscultadores brancos”, contou o próprio no blogue do Instagram; e decidiu fotografá-la. Essa foi o primeira de uma série que já conta com mais de 50, 50 retratos de pessoas de cabeça baixa.

Nas fotos, as pessoas parecem adormecidas, mas, na verdade, elas estão perdidas nos seus smartphones e tablets. “E eu estou a fazer exactamente a mesma coisa. De certa forma também são auto-retratos”, confessa Patrick Witty. Fica a dúvida: estaremos mais preocupados com as nossas vidas digitais do que com o mundo que nos rodeia?

Partilha nas redes sociais:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
  • Jornalista, adepto de cidades humanas e curioso por ideias que melhorem o país. Co-fundei o Shifter em 2013, sou desde 2020 coordenador do projecto editorial Lisboa Para Pessoas.

Contribui para o Shifter para mais artigos como este:

2 €/mês

5 €/mês

10 €/mês

15 €/mês

Donativo

Artigos Relacionados

Junta-te à Comunidade
Jornalismo é aquilo que fazemos todos juntos. Entra na Comunidade Shifter e faz parte da conversa.
Sabe mais
Em teste

Bem-vind@ ao novo site do Shifter! Esta é uma versão beta em que ainda estamos a fazer alguns ajustes.Partilha a tua opinião enviando email para comunidade@shifter.pt