Os HTC Vive já são uma realidade em Portugal


Os óculos de realidade virtual HTC Vive, que a tecnológica levou a Barcelona em Fevereiro, estão a partir desta semana disponíveis em Portugal, através de compra online no site da fabricante. O mercado português está contemplado numa pequena expansão da comercialização do produto na Europa, que incluí ainda a Letónia, a Lituânia, o Luxemburgo e Malta.

Os HTC Vive, que já tivemos oportunidade de experimentar, custam 899 euros em Portugal, o mesmo preço praticado para o restante mercado europeu. Contudo, com os portes de envio a custarem 65,21 euros, a factura final será de 964,21 euros. Se o preço te parece caro, não avalies sem antes saberes que, além dos óculos, a caixa inclui dois comandos dedicados, dois sensores de espaço, cabos de ligação e um pacote de conteúdos de oferta, para que possas estrear imediatamente os Vive.

Os HTC Vive entram num segmento diferente dos Samsung Galaxy Gear VR ou dos Google Daydream View. Recorrem ao processador de um computador para criar o mundo virtual no qual o utilizador vai mergulhar e os gráficos são criados dentro dos óculos e não com o ecrã de um telemóvel. No Gear VR e no Daydream, toda a computação acontece no telemóvel, seja ele um S7, um Pixel ou outro qualquer.

Nem todos os computadores são capazes de criar ambientes virtuais para o HTC Vive. Precisas de ter uma máquina com determinadas especificações técnicas, algo que também é requerido com os Oculus Rift. Além dos Oculus Rift, no mercado dos HTC Vive entram também os PlayStation VR, da Sony.

Previous Boeing tenciona chegar a Marte primeiro que a SpaceX
Next Este Shazam ocupa pouquíssimo espaço no teu telemóvel